Microempreendedor Individual – por que ser MEI?

Microempreendedor Individual – Tornar-se um microempreendedor individual  é o sonho de milhões de brasileiros. Saiba agora o que é necessário para ser um MEI e dar uma guinada na sua vida. Os direitos, deveres, impedimentos, valores, registro.

Tudo o que está ligado ao MEI você vai descobrir agora. Abaixo você tem mais informações sobre o microempreendedor individual.

Publicidade

microempreendedor-individual-mei

Microempreendedor Individual – direitos e benefícios

A lista de benefícios que o Microempreendedor Individual pode acessar é imensa, como o auxílio maternidade e o auxílio doença. O surgimento da categoria do MEI trouxe a oportunidade de milhões de brasileiros que exerciam suas atividades de maneira informal a regularizarem suas situações.

A regularização traz a possibilidade de acesso a inúmeros benefícios que, se continuassem informais, não conseguiriam. O acesso à cidadania e dignidade de milhões de brasileiros está sendo possível graças ao MEI.

Microempreendedor Individual – veja a lista de benefícios do MEI

A lista de benefícios que o MEI pode acessar é imensa. A cobertura previdenciária é, talvez, um dos mais importantes. A possibilidade de:

  • poder se aposentar;
  • auxílio maternidade;
  • auxílio doença;
  • auxílio acidente.

São esses benefícios que trazem uma segurança mínima ao Microempreendedor Individual, que pode contar com esses serviços, caso necessite, no futuro.

Crédito E Conhecimento Técnico – condições exclusivas para você

Outros benefícios que o MEI pode contar, após a regularização da situação registro como Microempreendedor Individual são:

  • acesso ao crédito;
  • acesso a financiamentos com juros diferenciados;
  • tributação diferenciada;
  • emissão de alvará online;
  • serviços empresariais sem custo;
  • possibilidade de contratos com o poder público;
  • custos diferenciados com funcionários;
  • suporte técnico do SEBRAE.

Com tudo isso, fica fácil ter segurança e firmeza para o seu negócio dar certo.

Alvará Municipal De Funcionamento – é obrigatório?

Para acessar todos esses benefícios, o Microempreendedor Individual deve cumprir alguns requisitos. O alvará de funcionamento, por exemplo, deve ser obtido junto à prefeitura de seu município.

Consulte o serviço responsável para saber se o seu negócio está de acordo com as diretrizes municipais.

Relatório De Receitas Mensais – por que você deve fazer

Outro procedimento a ser cumprido é o preenchimento mensal do Relatório das Receitas Brutas. Esse relatório contém os dados das Receitas obtidas no mês anterior e deve ser preenchido até o dia 20 de cada mês.

As NF’s de compras de produtos e de serviços devem ser anexadas a esse Relatório, assim como as notas emitidas naquele mês. Aqui você poderá fazer o download do Modelo de Relatório de Receitas Brutas.

DAS MEI – faça a sua por aqui

A Declaração Anual Simplificada também faz parte dos requisitos. Funciona como uma declaração de imposto de renda, porém com vistas ao seu CNPJ MEI.

Anualmente deve ser feita a declaração dos valores faturados pelo CNPJ, relativo ao ano anterior. Faça aqui a sua Declaração Anual Simples Nacional – MEI